QUINTA-FEIRA, 21 DE FEVEREIRO DE 2019
Parcialmente Nublado
33º
MÁX
20º
MIN
1020 AM
Rádio Independência
106,5 FM
Rádio São Miguel
93,3 FM
Rádio Terra das Águas
89,7 FM
Rádio Guaíra
| Fonte: Geovani Canabarro c/ inf. G1 Sergipe/Yahoo | Fotos: Reprodução Facebook/Arquivo pessoal | 25 de Janeiro de 2019

Deputado eleito em 2018 foi diplomado dentro da cadeia e usará tornozeleira eletrônica no Congresso

O STF (Supremo Tribunal Federal) determinou que o deputado federal eleito Valdevan Noventa (PSC-SE) utilize tornozeleira eletrônica no período em que estiver em liberdade. As informações são do portal G1 de Sergipe.

O monitoramento está entre as medidas restritivas concedidas pelo Supremo após o deputado ser solto da Cadeia Pública Tabelião Filadelfo Luiz da Costa, no município de Estância (SE), onde estava preso desde dezembro do ano passado.

No sábado (12), ele teve o habeas corpus concedido pelo STF. Além da tornozeleira eletrônica, o deputado também deverá se apresentar em juízo mensalmente e está proibido de manter contato com testemunhas durante a ação penal.

O parlamentar eleito foi preso preventivamente durante a ‘Operação Extraneus’, que apurou a inserção de declarações falsas na prestação de contas de campanha nas eleições de 2018. Por ter sido detido após o pleito, Valdevan Noventa foi diplomado dentro do presídio.

Segundo a procuradora do Ministério Público Federal, Eunice Dantas, durante a análise da prestação de contas do deputado eleito foi verificado que, após o período de eleições, foram registradas 85 doações todas no valor de R$ 1050, o que chamou a atenção do MPF. As doações teriam sido feitas por moradores das cidades de Arauá e Estância.

 
 
 
Costa Oeste News Telefone (45) 3565-1022 | Whatsapp (45) 99102-5533
Rádio São Miguel Telefone (45) 3565-1022 | Whatsapp (45) 98407-8348
Rádio Terra das Águas Telefone (45) 3268-8778 | Whatsapp (45) 98818-3666
Rádio Independência Telefone (45) 3264-1713 | Whatsapp (45) 99935-8890
Rádio Guaíra Telefone (44) 3642-1945 | Whatsapp (44) 99118-5606